segunda-feira, 3 de fevereiro de 2014

Cantor Leonardo é preso com munição no aeroporto de Brasília

O cantor Leonardo foi preso no Aeroporto Internacional Juscelino Kubitschek, em Brasília, por porte ilegal de munição. A prisão ocorreu na noite da última sexta-feira (31), mas a ocorrência só foi divulgada pela Polícia Federal nesta segunda-feira (03). Após o pagamento de fiança, o artista foi colocado em liberdade, mas o valor em questão não foi divulgado.
De acordo com a Polícia Federal, Leonardo estava com 22 cartuchos de munição de calibre ponto 22. A munição não é de uso restrito, mas o cantor não possui autorização para transportá-la.
Purepeople entrou em contato com a assessora de imprensa do artista, mas foi informado que, por enquanto, não há uma posição oficial. O artista está em trânsito em São Paulo e, por isso, sua assessora ainda não conseguiu falar com ele sobre o ocorrido.
Em entrevista ao jornal “Correio Braziliense”, o advogado de Leonardo, Cleber Lopes, informou que tudo não passou de um mal entendido. Segundo ele, a munição
encontrada era de um amigo do cantor que possui uma fazenda no interior de Goiás, onde o sertanejo esteve na semana passada.
“Alguém arrumou a mala do Leonardo e, por equívoco, colocou a munição dentro da mala. Ele não anda armado, não usa arma, e não tem histórico de violência”, defendeu Lopes.
De acordo com o advogado, seu cliente embarcava para Salvador quando foi preso. “Foi um engano. Ninguém é louco de passar em um detector com munição na mala. Agora, vamos trabalhar para mostrar que ele não praticou crime algum”, acrescentou.

Fonte: Purepeople

Nenhum comentário: