domingo, 1 de junho de 2014

Luiz Gomes reúne presidentes municipais do PEN/RN e ministro Garibaldi prestigia encontro

Na tarde desta sexta-feira (31) o presidente estadual do Partido Ecológico Nacional (PEN) Luiz Gomes se reuniu com a diretoria estadual do partido, juntamente com presidentes municipais e pré-candidatos a deputado. O encontro aconteceu no escritório L. Gomes Advogados Associados e foi um momento bastante decisivo para o partido e seus filiados.
Durante o encontro foram discutidos os nomes e projetos de pré-candidatos a deputado federal e estadual, e definida a data de início da campanha eleitoral e  os grupos de coordenação regional. A diretoria estadual apresentou aos participantes as novas diretrizes, atividades e planejamentos para as próximas eleições.
Luiz Gomes enfatizou que há muito trabalho a ser feito e que além de manter o foco, o partido precisa estar unido e fortalecido, mantendo o trabalho com seriedade e comprometimento com a população. “O partido não é meu, nem do Ricardo Mendonça, ou de qualquer outro membro da diretoria. Eu estou presidente do partido, e queria que  a cada ano  houvesse um rodízio de presidente pra que cada um de vocês tivesse a oportunidade e soubesse o tamanho da responsabilidade que a gente assume quando senta na cadeira de presidente. 

Além de presidentes municipais do PEN/RN e lideranças comunitárias, o ministro Garibaldi Filho prestigiou a reunião, declarando seu total apoio aos projetos do partido. “Nós estivemos aqui a uns quinze dias em uma reunião de partidos que se somaram para escolher um caminho único para eles,porque acharam que a união faz a força. Todos nós já percebemos que essa será um eleição atípica. Nenhum processo eleitoral é igual, mas esse ano creio que será diferente porque muitos estão apostando numa mudança. As pessoas estão dizendo nas pesquisas que não estão satisfeitas com o atual governo, e isso não é apenas aqui no Rio Grande do Norte. Se eu pudesse criar um lema para essa campanha seria: “Cuidado! Se você quiser mudar, mude com segurança”.

Nenhum comentário: