segunda-feira, 2 de março de 2015

Com greve dos vigilantes no RN, bancos suspendem serviços e só “disponibilizam” com caixas eletrônicos

20150302083319
Com a greve dos vigilantes do Rio Grande do Norte iniciada na semana passada os bancos não estão realizando atendimento nesta segunda-feira, 2. Os seguranças patrimoniais aderiram ao plano de mobilização não somente nas agências bancárias como também em outros serviços e suspenderam suas atividades. Somente o serviço de caixas eletrônicos continua com funcionamento normal.
Para o coordenador geral do Sindsegur, Francisco Benedito (Bené), na última rodada de negociação os patrões demonstraram que não querem negociar com os trabalhadores. “A categoria não aceita mais ser explorada pelos patrões, que só visam seus lucros fabulosos. Por isso, a família vigilante vai à luta para garantir direitos fundamentais, como o vale alimentação que os empresários da segurança privada se negam a negociar”, declarou Bené.
Desde o começo das negociações o presidente do Sindicato das Empresas de Segurança Privada do RN (Sindesp), Rossini Braulino, vem apresentando propostas rebaixadas e desconsiderando qualquer reivindicação relacionada ao vale alimentação. Um direito que já está sendo assegurado aos vigilantes de vários estados brasileiros, incluindo o Distrito Federal, onde o valor do vale alimentação é de R$ 28,00.
O representante da Confederação Nacional dos Vigilantes, Jervalino Rodrigues, que também é presidente do Sindicato dos Vigilantes do Distrito Federal, afirma que Rio Grande do Norte é um dos poucos estados onde o vigilante não recebe vale alimentação e esse direito só vai ser conquistado através de muita luta.
Blog do BG.

Nenhum comentário: